segunda-feira, 25 de março de 2013

Deus nos adotou!

Vede com que grande amor o Pai nos amou, para sermos chamados filhos de Deus. E nós o somos de fato”(1Jo 3,1)
Temos em Jesus a manifestação mais completa do amor de Deus. Em todo o Seu caminho pelo mundo, Jesus outra coisa não fez senão manifestar a grandeza deste coração de Deus, Pai-Mãe, que nos acolhe apesar de nossas falhas e limitações.
Tanto amor assim só poderia culminar com uma ação de adoção: sem a merecer, sem a solicitar, sem a reclamar, Deus nos adota como filhos bem amados, na dádiva humilde e graciosa da entrega de Seu Filho Jesus. Jesus nos veio dar vida em plenitude.
O amor dá sempre, e sempre dá o que há de melhor. Por isso, o amor de Deus nos deu Seu Filho, o que tinha de melhor. Permanecer neste amor nos torna filhos... Que riqueza... mas, atenção: estar imerso nesta filiação nos pede um trabalho nem sempre fácil; pede-nos que amemos como Deus ama, que perdoemos a quem nos ofende, que proclamemos nossa fé com a vida e não somente com palavras.
Permanecendo no mistério do amor de Deus, vivendo com humildade, simplicidade e no mais puro bem querer, seremos capazes de despertar em muitos irmãos o desejo de Deus, a alegria da filiação divina, o desejo de viver na verdade, praticando a justiça e a solidariedade, construinso igualdade e a paz. (Magda Brasileiro)
Já estamos na Semana Santa e o Retiro Espiritual continua.
Você poderá acompanhar no meu blog de retiros espirituais.

Um comentário:

✿ chica disse...

E que bom que assim o tenha feito e assim seja! beijos,tudo de bom,fiquei sem o raminho,mas na cabeça ele está! beijos,chica