quarta-feira, 28 de outubro de 2015

Não julgueis

Um santo monge sonhou que estava diante do céu e as portas se abriam deixando-o entrar; mesmo encantado, deu-se conta de três coisas. A primeira: muitas pessoas que, no seu entender, não deviam estar no paraíso; a segunda: pessoas que ele imaginava que estariam no paraíso, lá estavam, mas com menos glória do que supusera; a terceira: ele também estava no céu! Uma das recomendações de Jesus é: “Não julgueis e não sereis julgado” Mt 7,1.
Não julgar é um ato de sabedoria, porque pouco conhecemos sobre os outros; formamos nossa opinião muitas vezes pela aparência e acabamos confundindo o trigo com o joio. Fazer julgamento é um ato de orgulho, pois dá a entender que só nós somos justos e sábios. Em vez disso, seria bom avaliarmos nossa vida e nossas atitudes com humildade.
Frei Aldo Colombo


Para meditar: 
Quem julga os outros não tem tempo de amá-los.” 
Madre Teresa de Calcutá

6 comentários:

✿ chica disse...

Beleza de mensagem embora ao olhar pra uma pessoas, tantas vezes, já corremos pra fazer nossos pré julgamentos... bjs, linda tarde! chica

Anete disse...

Tetê, um texto que nos desperta... Não julgar!
Mas essa do céu, puxa, haverá muita surpresa por lá... É a Bíblia que fala, né?!

Um abraço... ( O seu comentário me fez lembrar o meu marido, sobre ano ímpar ou par... No final, ele brinca dizendo q tanto um como o outro, Deus estando presente é bom! Rsss... Ele fala de acordo c o ano q tá p começar, falando q vai ser bom...)

Mirtes Stolze. disse...

Boa noite Amiga.
Um belo texto, e concordo completamente, nunca devemos julgar, isso só cabe a Deus, porque ele ver tudo , principalmente o coraçao de cada um de nós. Eu não gosto de julgar, ate quando pessoas vem a mim falando isso, aquilo, fico calada, pois o que está sendo apresentado, não posso saber de verdade o que ocorreu com aquela pessoa e as circunstancia da sua atitude, enfim devemos amar e deixar o julgamento para o senhor. Uma feliz noite. beijos.

Mariangela do Lago Vieira disse...

Caminhar com Deus é preciso...
Como é preciso ter sabedoria das coisas que o agrada.
E pecar é muito fácil!
Basta abrira boca.
Perecisamos curar o nosso coração, e nos policiar.
Beijinhos de uma boa noite Tetê!

Ah Tetê quanto ao que me falou,
há diversas formas de entendimento mesmo...
e complicado entender o que se passa na cabeça alheia!!! rsss.. bjs

Bell disse...

É da natureza humana julgar, temos que ser tardios em falar e em julgar também.
Fácil criticar pessoas e situações se estamos do lado de fora apenas de telespectadores.
Hj vc julga amanhã será julgado!!


bjokas =)

Maria Luiza disse...

Não julgar, eis a regra de ouro e que Jesus a proferiu porque sabia que as aparências enganam que devemos amar a todos, respeitando o ser, porque ele amava e ama o pecador, sempre! Abração querida! Bom feriado!