terça-feira, 3 de novembro de 2009

Conversão

Um cego clama por piedade, tem consciência de seus limites, mas não se acomoda diante deles. Diante do Senhor abre seu coração e pede que o ilumine.
Jesus lhe perguntou: O que queres que eu faça a você? O cego respondeu: Mestre, eu quero ver de novo. Jesus disse: Pode ir, a sua fé te curou! (Marcos 10:46-52)
Y
Converte-me! Que eu não viva mais por mim mesmo; sê Tu o centro de toda a minha vida! Que eu viva para Ti! Converte-me!
Com este espírito, o discípulo é aquele que, entregue ao seu Senhor, aprendeu a perder o medo. Sabe ver a realidade com suas luzes e com suas sombras, mas com serenidade onde cada pessoa é criatura de Deus que merece respeito, atenção e valorização.
- Frei Marco Antonio dos Santos -

Um comentário:

Zéza disse...

Oi querida! Vim agradecer a sua visita e avisar que já atualizei! Estou esperando sua visita!! Beijos azuis!