terça-feira, 12 de novembro de 2013

Humildade e gratuidade

No Evangelho de Lucas 17,1-10, encontramos algumas orientações de Jesus para um verdadeiro discipulado. Em poucas palavras, o Mestre reafirma a importância de um bom testemunho de vida, a constante necessidade do perdão e da correção fraterna, o reconhecimento do poder da fé (mesmo quando pequenina) e a necessidade de um serviço humilde e desinteressado.
Humildade e gratuidade são fundamentais para a caminhada da Igreja. Contudo, muitas vezes, esquecemos completamente dessas virtudes. Causa-me profunda tristeza perceber o quanto nossas lideranças ainda estão aprisionadas pela vaidade e pela busca de poder e reconhecimento.
Precisamos resgatar a simplicidade, a gratuidade, o desejo do servir e fazer bem a todos, livres de qualquer mesquinharia... O verdadeiro discípulo sabe ser humilde, reconhece sua fragilidade diante do grande tesouro que carrega, sabe que sua capacidade e coragem vêm de Deus, sabe que sua missão jamais poderá ser comparada ao sacrifício do Senhor Jesus.
O verdadeiro discípulo não é dependente de homenagens e reconhecimentos; ele deseja apenas servir, quer apenas seguir Jesus, colaborando com o Mestre, imitando-O ao menos um pouquinho!
Marcos Daniel de Morais Ramalho

2 comentários:

✿ chica disse...

Tudo que é feito de bem não deve ser divulgado e propalado.Não precisam homenagens mesmo,.A humildade vale sempre! beijos,chica

Orvalho do Céu disse...

Olá, querida
Convém que Ele cresça e que nós desapareçamos!!!
Bjm de paz e bem