quarta-feira, 25 de junho de 2014

Socorro, meu Deus!

Cuidado com os falsos profetas...” (Mt 7,15a). Sim, os falsos profetas estão por aí: nas igrejas, nas universidades, nos bastidores da política e da economia, nos vários meios de comunicação e em muitos outros lugares.
Alguns se dizem doutores, mestres ou pesquisadores; outros investem na imagem: são bonitos, sorridentes e vestem-se com apuro; outros, ainda, abusam do corpo e da voz: gritam, gesticulam, pulam, cantam, choram e sacodem as plateias. Atrás do púlpito, das câmeras ou num palanque eles opinam, afirmam, negam, mentem e manipulam: são (de)formadores de opinião, os falsos profetas de nosso tempo. Alguns querem chocar, outros polemizar e outros apenas se divertir.
Exagero um pouco, talvez; mas uma coisa é certa: no meio de tantas opiniões, parece-me que alguns valores ficaram esquecidos, ou realmente foram abandonados. Não creio que tudo isso seja fruto de más intenções... De modo geral, todos buscamos a verdade, a liberdade e a felicidade. Porém, precisamos ter muito cuidado, pois, mesmo com boas intenções, somos frágeis e limitados - vulneráveis, portanto, ao pecado.


Socorro, meu Deus! O fiel está sumindo! Cada qual mente ao seu próximo com lábios enganadores e segundas intenções. Vinde logo, Senhor, salvai-nos dessa gente. Amém!
Pe. Marcos Daniel de Moraes Ramalho

Um comentário:

✿ chica disse...

Cuidado sempre!! Depois não adiante pedir socorro! bjs,chica