quinta-feira, 15 de agosto de 2013

É perdoando que se é perdoado

Deus está presente na comunidade em sua caminhada, projetos, ações, estratégias, escolhas e exercício das lideranças: o líder deve estar também muito perto dEle. Entre os membros da comunidade deve imperar o sentimento de paz, unidade, concórdia e perdão. O rancor e a mesquinhez levam à destruição, não existe nenhum motivo para não querer perdoar.
O ódio e a cobrança exagerados em cima de outra pessoa, mesmo que ela tenha falhado, não conduz à vida e à liberdade interior. Isso vale igualmente na vida familiar: o bom relacionamento entre esposos, entre pais e filhos e entre irmãos só é possível numa aprendizagem contínua da arte de saber perdoar.
A grandeza de Deus manifesta-se quando Ele age em favor do Seu povo e manifesta-se especialmente no perdão. A grandeza de uma pessoa também se manifesta em sua capacidade de perdoar e acolher, e na atitude de saber perdoar a si mesma, sem mania de autopunição. Num mundo de pecadores, sem perdão a convivência se torna impossível. Perdoar, porém, não é fácil, mas é divino, é graça... graça que devemos implorar sempre em relação a todos, não importa suas ofensas.
(Pe. Ferdinando Mancílio)  
 
 
Verdades do Reino
click e conheça a Verdade

3 comentários:

✿ chica disse...

Lindo e o perdão é algo sublime...Deve vir de dentro mesmo, não apenas propalado! beijos,chica

selene ramos disse...

Amiga quem não sabe perdoar não sabe viver,pois é perdoando que somos perdoados .Esse padre Antonio se vê que é muito iluminado!Que Deus o abençoe sempre.Vim rapidinho só para deixar meu carinho no seu coração,pois ainda não estou boa.Mas Jesus está me segurando as mãos e vou melhorando cada dia que passa. bjs. de luz minha estrelinha querida.

Imaculada disse...

Texto edificante e reflexivo!
Perdoar é algo divino que nos cura, nos traz liberdade...precisamos da graça de Deus para vivermos sem ódio
e em paz com todos.
Abraços! Um final de semana abençoado e feliz pra ti.