terça-feira, 27 de maio de 2014

Não vos deixareis órfãos

Quando amamos alguém, sentimos falta, queremos estar próximos; quem não fica triste com a partida de alguém querido? Os apóstolos iam compreendendo as palavras de despedida de Jesus e se entristeciam; eles já viviam esse sentimento pela ausência que sentiriam de Jesus e de Suas palavras. Jesus os animava, prometendo-lhe a presença e a iluminação do Espírito Santo e isso era causa de alegria. Jesus prometeu que não os deixaria órfãos, porque enviaria o Consolador para ajudá-los a completar a obra iniciada. A tristeza e a saudade deveriam impulsionar os discípulos a não deixar morrer as palavras de Jesus.

Quando o coração não se abre para a verdade divina, Deus entra pela fresta que encontrar; Ele não se cansa de nos dar oportunidade de Seu amor. A nossa vida no Espírito é união afetiva e efetiva com Jesus. É com Ele e como Ele que levamos adiante a boa notícia da salvação para todos e, assim, retornamos ao Pai: amando os irmãos!
Pe. Air José de Mendonça

Um comentário:

✿ chica disse...

É com ELE e só com ELE!! bjs,chica