quinta-feira, 29 de maio de 2014

Ser cristão é difícil!

Na verdade eu vos digo: chorareis e vos lamentareis, mas o mundo se alegrará. Ficareis tristes, mas vossa tristeza se transformará em alegria(Jo 16,20). A Igreja de Cristo na terra é marcada pela cruz e pelo sofrimento; Jesus passou por essas experiências dolorosas e seus discípulos também. Tempos difíceis estão por vir: chorareis... lamentareis... ficareis tristes...
Não há lugar para ingênuos no Reino de Deus, nem para os adeptos da teologia da glória que zela pelo próprio sucesso, ensina a prosperidade, proclama uma certa imunidade às doenças e, seus seguidores se julgam melhores que os demais. Mostrando a realidade, a história da humanidade se encarrega de lembrar fatos marcantes que fizeram os primeiros cristãos sofrer: milhares foram levados para as arenas, onde morreram alimentando animais ferozes; muitos foram queimados em fogueiras e as perseguições foram intensas por mais de duzentos anos.
Hoje as perseguições são mais sutis. O mundo se alegra por se sentir vitorioso e, em sua vitória parcial conta vantagens e mostra-se poderoso. É a glória que o mundo tem quando se alegra com as tristezas dos outros. As armas cristãs não são carnais; os cristãos são chamados a morrer pelos seus inimigos, e não matá-los; a dar em vez de tomá-lo; a oferecer a outra face; e até a viver em paz e quietude com todos os homens, tanto quanto possível. O viver vida de sacrifício, por vezes, faz chorar, entristece, faz morrer. No fim haverá inversão do quadro.
Arnaldo Hoffmann Filho

Um comentário:

✿ chica disse...

Instigante mensagem!Faz refletir!bjs,chica