quinta-feira, 19 de junho de 2014

Corpus Christi

Bendito seja o trigal, pois de seus grãos nasce o pão que mata a fome do faminto e torna fartas nossas mesas; bendito seja o trigo que, triturado no moinho, de dourado torna-se branco como a neve e, das mãos abençoadas, torna-se o pão do altar! Benditos sejam os olhos que se extasiam ao contemplar e adorar tamanha singeleza e tão nobre grandeza, pois é Jesus, o Pão do Céu! Eucaristia, mistério de amor, Mistério Pascal, presente do Senhor, fonte e ápice da vida cristã, da vida da Igreja. 
Festa de Corpus Christi é festa de comunhão com Deus, que se preocupa muito com cada um de nós e nos cuida até as últimas consequências. Ele se fez pão para nos alimentar. Ele garante ser a força necessária em nossa jornada, para que possamos proclamar, reconhecer e imitar diariamente Sua grandeza ao se fazer pequeno; para que possamos cultivar e construir com a humildade que nos cabe, como filhos de Deus que somos, o reino da comunhão, a realidade de justiça. 
No deserto, o Senhor alimentou Seu povo com o maná; na Eucaristia, o próprio Senhor nos alimenta com Seu Corpo e Sangue. Comer a Carne e beber o Sangue é comungar da vida de Cristo, a ponto de afirmar, como Paulo afirmou: “Já não sou eu quem vive, é Cristo que vive em mim”; é partilhar de Seus sonhos, de Seus valores, de Sua prática vivificadora e libertadora. Comer a Carne e beber o Sangue é querer viver em profunda união com o Cristo, permanecendo no Seu amor, animado pelo mesmo Espírito que O animava.
Frei Clauzemir Makximovitz 

2 comentários:

✿ chica disse...

Linda mensagem desse dia hoje festejado! beijos,tudo de bom,chica

Maria da Fé disse...

Ótimo post. Blog maravilhoso. Parabéns pelas publicações!
http://botefeamor.blogspot.com.br/
Abraços Fraternos